Felipe Orro estuda trazer Centro de Referência ao Trabalhador a MS

Publicado em: 04/01/2011 - 10:10

O deputado estadual eleito Felipe Orro (PDT) estuda trazer para Mato Grosso do Sul um escritório do Centro de Referência ao Trabalhador Leonel Brizola. O Centro foi inaugurado em Brasília (DF) no dia 18 de novembro, em cerimônia com as presenças do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do ministro do Trabalho Carlos Lupi. Felipe Orro participou do ato e destaca a importância do órgão:

“É um espaço de grande utilidade para o trabalhador, onde ele encontra uma sala informatizada para consultas na Internet, em bancos de dados sobre profissões, cursos de capacitação, vagas de emprego; recebe orientações técnicas, pode até participar de cursos ali no local, ou de outras atividades, no auditório. Vejo também uma ajuda muito importante para os sindicatos, pelo volume de informações que o Centro disponibiliza.”

Felipe Orro acha viável implantar escritórios do Centro de Referência ao Trabalhador nos estados, o que pode ser feito em parceria com sindicatos ou centrais sindicais. O deputado eleito pretende, tão logo seja empossado, tratar do assunto com o ministro do Trabalho. O atual ministro, Carlos Lupi (PDT), é cotado a permanecer no cargo. 

Com Lula

Durante a inauguração do Centro, Felipe Orro se encontrou com o presidente Lula e o cumprimentou pela iniciativa. “Para nós, do PDT, o fato de o presidente homenagear Leonel Brizola, emprestando seu nome ao primeiro Centro de Referência ao Trabalhador, é o coroamento de uma parceria vitoriosa com o governo Lula. Na chefia do Ministério do Trabalho, o PDT foi responsável direto pela política de geração de empregos dos últimos anos, que levou quase 15 milhões de pessoas ao mercado de trabalho. É um número que se equipara a toda população do Chile, por exemplo”, disse Felipe Orro.

Para o ministro Carlos Lupi, a homenagem a Brizola é motivo de orgulho: “Fico honrado em poder batizar este espaço com o nome daquele que lutou pela legalidade e resistiu à ditadura; aquele que tanto lutou pelo trabalhismo em nosso país; um ser humano apaixonado por seu povo; que não conseguiu chegar à presidência da República, mas que muito contribuiu para que hoje tenhamos o Estado ao lado dos trabalhadores, que são o principal motor do desenvolvimento nacional”, discursou Lupi, durante o evento.

O presidente destacou o papel do Centro de recuperar a história do trabalhismo: “Preservar a história do trabalho é preservar a história do Brasil, construída com o empenho dos trabalhadores que ergueram nosso país. Os 80 anos do Ministério do Trabalho representam 80 anos da relação entre o Estado e os trabalhadores; e neste período, sempre que os trabalhadores tiveram voz e foram respeitados em seus direito, o Brasil cresceu a passos largos”, disse Lula.

Serviço: Centro de Referência do Trabalhador Leonel Brizola – Localizado no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Trecho 3, em Brasília, tem como finalidade a preservação da memória do trabalho no Brasil, dando continuidade à produção de conhecimentos sobre o tema e sobre o papel do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) na história brasileira.

Entre os principais objetivos do centro estão aumentar a produção do conhecimento histórico sobre o tema trabalho; dar sustentação aos trabalhos de projetos e pesquisas, fornecendo informações atualizadas; promover o intercâmbio de informações junto a outras instituições; e incentivar o acesso à informação e ao conhecimento como estratégia de alcance de oportunidades sociais e de trabalho.

O espaço será aberto ao público diariamente e contará com calendário de visitação para atender escolas públicas e privadas.

Comentários do Facebook